segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Angela Marsons - Gritos Silenciosos [Opinião]


Sinopse: AQUI

Opinião: Gritos Silenciosos é a mais recente aposta da Quinta Essência no género de thriller/policial, uma editora que se destaca pelos romances e eróticos. Não obstante as publicações recaírem mais para o público feminino, foi com muito entusiasmo que recebi a notícia da publicação desta obra e, finda a leitura, devo dizer que foi uma excelente aposta. Sendo uma série, fico a torcer que continuem a sua publicação, tal como é feito com a autora Sandra Brown. Esta é, indubitavelmente, a minha autora preferida do catálogo da editora!

A protagonista é Kim Stone que se autocaracteriza como desprovida de emoções e tem noção da reputação de ser fria em ambiente laboral. Inicialmente assim também achei mas não confundamos esta maneira de ser com a determinação em resolver o caso que tem entre mãos. Aquilo que poderia ser uma revelação final é desvendado logo no início (e na sinopse da obra): um grupo de cinco pessoas cavam uma sepultura e enterram lá um cadáver. As repercussões deste acto hediondo chegam anos mais tarde com a morte de Teresa Wyatt. Mas esta é apenas o primeiro homicídio. A este se seguirão uns quantos.

A característica que mais acentua esta obra é, sem dúvida, a capacidade com que agarra o leitor logo nas primeiras páginas. O prólogo, como expliquei anteriormente, desperta uma grande curiosidade e acompanhar esta investigação torna-se viciante. Não só pelos homicídios que seguem em catadupa, como pelo mistério que ficou no passado e vê a sua resolução cada vez mais eminente. A personagem principal também tem um certo mérito na medida em que é desafiante e a primeira impressão com o leitor é algo fria, sensação que vai desvanecendo à medida em que a leitura avança. Os capítulos são um imperativo de uma leitura mais ávida e as reviravoltas sucedem-se. Estamos perante um livro policial de excelência que mescla a investigação criminal com uma componente de thriller mais psicológico.

Portanto, a reunião de factores como uma escrita fluída e que desperta um entusiasmo na descoberta de mais, uma trama intrincada e personagens sólidas fizeram com que tivesse ficado muito agradada com este livro de estreia. É de louvar que se apostem em autores novos e de qualidade, como Angela Marsons. E na minha opinião, é impreterível a continuação da publicação desta série!


Sem comentários:

Publicar um comentário